A Orquídea - Mário A G Leal

ESTE FÓRUM NÃO PERMITE QUALQUER TIPO DE AGRESSÃO PESSOAL, ISTO VALE PARA
MODERADORES E USUÁRIOS. ENTRE EM CONTATO COM O ADMINISTRADOR
QUER SE REGISTRAR? CLIQUE ABAIXO EM REGISTRAR
login.php?sid=17369b811381b7712f90794658970a77 profile.php?mode=register&sid=17369b811381b7712f90794658970a77 faq.php?sid=17369b811381b7712f90794658970a77 search.php?sid=17369b811381b7712f90794658970a77 Estatisticas index.php?sid=17369b811381b7712f90794658970a77




A Orquídea - Mário A G Leal - Índice » SOU PRINCIPIANTE » Quem cultiva em regiao muito quente ??????
Novo tópico  Responder tópico Exibir tópico anterior :: Exibir próximo tópico 
Quem cultiva em regiao muito quente ??????
MensagemEnviada: Ter Set 10, 2013 2:54 pm Responder com citação
BrunoB
2º PASSO
2º PASSO
Registrado: 25/01/13
Mensagens: 246
Localização: Fernandópolis-SP




Galera tenho uma duvida gostaria que compatilhassem suas experiencias sobre como proceder a rega em regioes insuportavelmente quente, lembrando que todas as minhas orquideas sao cattleyas e estao em vasos de barro e cachepo (secam muito rapido).

_________________
BrunoB



http://www.flickr.com/photos/92735486@N05/
Exibir o perfil do usuário Enviar mensagem privada Enviar e-mail Visitar o website do usuário
MensagemEnviada: Ter Set 10, 2013 2:58 pm Responder com citação
BrunoB
2º PASSO
2º PASSO
Registrado: 25/01/13
Mensagens: 246
Localização: Fernandópolis-SP




o motivo desta pergunta e que nem chegou a primavera e aqui esta quase 40° gostaria de saber sobre a rega nesta epoca primavera e verao

_________________
BrunoB



http://www.flickr.com/photos/92735486@N05/
Exibir o perfil do usuário Enviar mensagem privada Enviar e-mail Visitar o website do usuário
MensagemEnviada: Ter Set 10, 2013 3:59 pm Responder com citação
solarolo
1º PASSO
1º PASSO
Registrado: 12/04/13
Mensagens: 94
Localização: Mesquita-RJ




Bruno, minha experiência ainda é ínfima, em relação a alguns amigos aqui, q daqui a pouco vão chegar pra responder.

Mas uma idéia é molhar o chão onde elas ficam, para aumentar a umidade do ambiente. Tenho feito isso por aqui (Mesquita tb é bem quente) e elas tem ficado bem.

_________________
Carlos Amaral
Mesquita - RJ - "A caçula da Baixada Fluminense"
Flickr - amaral_rj2003
Exibir o perfil do usuário Enviar mensagem privada
MensagemEnviada: Ter Set 10, 2013 4:05 pm Responder com citação
solarolo
1º PASSO
1º PASSO
Registrado: 12/04/13
Mensagens: 94
Localização: Mesquita-RJ




Bruno, minha experiência ainda é ínfima, em relação a alguns amigos aqui, q daqui a pouco vão chegar pra responder.

Mas uma idéia é molhar o chão onde elas ficam, para aumentar a umidade do ambiente. Tenho feito isso por aqui (Mesquita tb é bem quente) e elas tem ficado bem.

_________________
Carlos Amaral
Mesquita - RJ - "A caçula da Baixada Fluminense"
Flickr - amaral_rj2003
Exibir o perfil do usuário Enviar mensagem privada
MensagemEnviada: Ter Set 10, 2013 9:03 pm Responder com citação
Francisco Zangalli
PARTICIPANTE
PARTICIPANTE
Registrado: 13/08/10
Mensagens: 2247
Localização: Nova OLimpia-PR




olá

Sempre regue a tarde, quando o sol está sumindo, ou a noite e de manha bem cedo. Nunca regue no meio do dia.

_________________
Francisco Zangalli
Biólogo

http://zangalli.blogspot.com.br/

http://www.flickr.com/photos/aruera_zan/



Região do Noroeste Paranaense
Altitude 438 metros
Temperatura média de 19°C - Subtropical
Exibir o perfil do usuário Enviar mensagem privada Enviar e-mail
MensagemEnviada: Qua Set 11, 2013 4:57 pm Responder com citação
rafael falcao
5º PASSO
5º PASSO
Registrado: 26/02/13
Mensagens: 832
Localização: Salvador-BA




Bruno minha dica é usar esfagno misturado com brita ou argila expandida. Esfagno retem agua: elas irao beber agua desde a tardinha até a manha seguinte, entao elas desidratarão menos.

_________________
http://www.jw.org/pt/

“Quantos são os teus trabalhos, ó Jeová! A todos eles fizeste em sabedoria. A terra está cheia das tuas produções.” (Sal. 104:24)
Exibir o perfil do usuário Enviar mensagem privada Enviar e-mail Visitar o website do usuário MSN Messenger
MensagemEnviada: Sex Set 13, 2013 8:03 pm Responder com citação
selmadoc
PARTICIPANTE
PARTICIPANTE
Registrado: 04/04/08
Mensagens: 2032
Localização: Cabo Frio - RJ




Vc pode molhar de manha e a tarde, já q está muito quente, mas só faça isso se elas secarem bem entre as regas, senão as raizes apodrecem

_________________
Selma

ADORO MASDEVALLIAS!!!
Meu album:
http://s300.photobucket.com/albums/nn16/selmadoc/?action=view&current=31CCoelogynecom3flores.jpg
Exibir o perfil do usuário Enviar mensagem privada
MensagemEnviada: Sáb Set 14, 2013 10:17 pm Responder com citação
ALEXAN DRE
1º PASSO
1º PASSO
Registrado: 06/12/12
Mensagens: 56
Localização: VARGINHA-MG




Boa noite Bruno !

Não tenho muita experiência ainda com as Orquideas.
Más pesquisando no Google encontrei.
Copiei e colei aqui.

CONSTRUÇÃO DE UM ORQUIDÁRIO/ESTUFA.

Um pequeno orquidário ou uma estufa pode ser construído sem muitas dificuldades técnicas e sem um desembolso financeiro alto. Podemos didaticamente dividir a construção de um pequeno orquidário sob o ponto de vista de lugar em Apartamentos e Casa – Residência.

O local onde será construído o orquidário deverá necessariamente possuir condições climáticas, tais como, Luminosidade, Temperatura, Umidade relativa do Ar e Ventilação, favoráveis ao bom desenvolvimento das plantas.

ORQUIDÁRIOS EM APARTAMENTOS.

A construção de um pequeno espaço para o cultivo de orquídeas em apartamentos, requer algumas condições particulares. Em primeiro lugar o próprio ambiente, que poderá ser uma sacada, ou uma área de serviço. O referido ambiente deverá receber certa quantidade de luminosidade se possível direta e pela manhã, mas nada contra que receba também luminosidade no período da tarde. Uma outra questão bastante importante é que o ambiente tenha circulação de ar constante, mas que as orquídeas não recebam o vento de forma direta. Finalmente deve-se ter a preocupação como as orquídeas receberão as regas, pois como o piso provavelmente de concreto e está intimamente ligado ao apartamento que fica localizado abaixo, caso as mesmas recebam regas em demasia, poderá ao longo do tempo ocorrer infiltrações no mesmo.

Para resolver o problema da incidência solar diretamente nas orquídeas (luminosidade), e os ventos de forma direta, sugerimos que seja colocado no ambiente um sombrite com 50%, em todo espaço.

Quanto ao cultivo propriamente dito, as orquídeas poderão ser colocadas em bancadas na horizontal ou em forma de escadas, sempre com o fundo formado de telas galvanizadas. Poderão também ficar penduradas junto ao teto ou em canos instalados no ambiente, porém deve-se ter acesso fácil as mesmas, no que diz respeito a adubação, regas, e verificação da sua saúde.

ORQUIDÁRIO/ESTUFA EM RESIDÊNCIA.

Caso haja um pequeno espaço, corredor, fundo de área construída, ou mesmo uma área livre dentro do terreno e que receba certa quantidade de luminosidade algumas horas do dia, e em todas as estações do ano, e o ambiente seja arejado, este seria um lugar bastante recomendável para a implantação de um Orquidário/Estufa.

Se você tiver um espaço tipo corredor, é só colocar uma tela de 50% numa altura mínima de 2,5m. Mas, se você tiver um espaço aberto, pode construir um orquidário ou uma estufa fechada, hoje no mercado brasileiro há varias empresas especializadas neste tipo de equipamento (orquidário/estufa), com preços bastante convidativos.

Quanto ao cultivo propriamente dito, as orquídeas poderão ser colocadas em bancadas na horizontal ou em forma de escadas, poderão também ficar penduradas através da instalação de estrutura de canos galvanizados, ferros de construção, madeiras, etc.

Quanto às bancadas, as mesmas deverão ter em média 1,5m de largura no máximo (para que seja possível alcançar todas as plantas) e o comprimento, de acordo com o espaço do orquidário/estufa, não devendo ser esquecido espaço para a circulação de pessoas e equipamentos utilizados dentro dos mesmos. A altura da bancada deve ser de cerca de 1,0 m, no mínimo 0,80m.

Quanto à estrutura, as bancadas poderão ser de madeira, concreto ou metal, dependendo do que for mais prático e viável economicamente. Para apoiar os vasos, podem-se usar tanto ripas de madeira ou de concreto quanto telas de aço ou de plástico resistente.

Caso a residência seja coberta por laje, nada impede que seja montado um orquidário/estufa neste espaço, desde que seja criada umidade relativa necessária.

Por fim as orquídeas podem também ser cultivadas em árvores, onde a grande maioria delas se ambienta muito bem, principalmente as epífitas. As árvores onde elas forem cultivadas, devem necessariamente ter casca do tipo rugosa e que não percam as suas folhas ao longo do ano e que de certa forma protejam as mesmas da incidência solar direta. Quando da colocação das mesmas em árvores, deve-se ter idéia da maior direção dos ventos ao longo do ano, devendo então ser colocadas em local oposto destes ventos, como forma de proteção das mesmas.

Lembre-se.

O terreno onde será construído o orquidário deverá ser o mais plano possível, mas não em baixadas, pois estas áreas são propícias a geadas ou mudanças muito bruscas das condições climáticas.

A cobertura do orquidário deve ser feita de telas de sombreamento (sombrite), que provoca uma diminuição uniforme na incidência da luminosidade, podendo ser utilizados vários tipos de graduações (para o Inverno e para o Verão). Estas graduações variam entre 30% a 80%.

Pode-se ainda utilizar sobre a tela de sombreamento filme plástico leitoso, diminuido a luminosidade no orquidário, fazendo com que o mesmo se torne uma semi-estufa e as orquídeas não receberão as águas das chuvas;

Nas laterais do orquidário deverá ser levantado paredes de tijolos ou blocos de cimento, com no máximo 60 cm de altura, evitsndo a entrada de animais no interior do mesmo;

Nas laterais deverá ser utilizado a mesma tela de sombreamento da cobertura do orquidário;

Nas regiões mais quentes, deve-se projetar o pé direito do orquiário com no mínimo 4,00 e no máximo 5,30 metros de altura, evitando assim um aquecimento excessivo do mesmo.

O piso interno do orquidário deverá receber uma camada de brita com no mínimo 20 cm de espessura, cuja função é auxiliar na limpeza e na manutenção da umidade relativa do ar e criar dificuldades no acesso de lesmas, caramujos, formigas, etc.

ESTUFAS

O cultivo de orquídeas em estufas tem como finalidade criar uma ambiente protegido e controlado, onde se busca chegar a mais próximo das condições ideias para o desenvolvimento das mesmas. As estufas podem cumprir funções simples, como proteção de chuvas e ventos, ou mais sofisticadas, como o controle de temperatura, nível de CO2 e umidade do ambiente,

As estufas mais simples são compostas por uma estrutura de metal ou madeira e cobertas por uma camada de filme plástico e sombrite nas laterais, e as condições do ambiente interno evoluem livremente e sem controle. Estas estufas podem ser melhoradas com a instalação de dispositivos de proteção ou de manejo, buscando maior proteção contra sol e vento, bem como melhoria da ventilação, entre outros.

As estufas mais sofisticadas tentam garantir condições ambientais consideradas ideais para o desenvolvimento satisfatório das orquídeas, podendo ser dotadas de equipamentos de climatização artificiais, tais como ventiladores, aspersores e aquecedores.

Variáveis Ambientais em Estufas.

As váriaveis ambientais/climáticas que afetam o desenvolvimento de orquídeas são consideradas as mesmas fora ou no interior de uma estufa. O que torna o ambiente dentro de uma estufa diferente é a capacidade de que o mesmo possui para ACENTUAR, ATENUAR OU NEUTRALIZAR estas estas variáveis.
Podemos considerar como variáveis ambientais/climáticas de suma importância para o desenvolvimento de orquídeas, a radiação solar, tanto nas sua componentes direta e difusa, temperatura, umidade do ar e do solo (substrato), nível de CO2, velocidade do vento e precipitação pluviométrica.

A proteção contra as chuvas e o vento é o efeito mais imediato num ambiente protegido.

A radiação que chega `a terra é de natureza direcional, chamada de componente, mas o espalhamento provocado pelas múltiplas reflexões ao entrar na atmosfera terrestre faz aparecer uma nova componente denominada difusa. A radiação direta é direcional e provoca a sombra de objetos, enquanto que a difusa é aquela que ilumina o céu em todas as direções. A cobertura das estufas poderá atuar sobre a intensidade dessas duas componentes, de forma a atenuá-la ou de converter parte da componente direta em difusa. A redução da intensidade luninosa poderá ser feita pela utilização de telas (sombrites) ou filmes plástico.

O nível de C02 influencia diretamente a capacidade fotossintética, o que reflete em crescimento e desenvolvimento das plantas. Em estufas automatizadas este nível pode ser controlado através de sistemas injetores de CO2.

A temperatura e a umidade do ar são variáveis climáticas de maior importância, uma vez que atuam fortemente sobre a fisiologia dos vegetais e determinam outros aspectos do cultivo de orquídeas, tais como o aparecimento de pragas e doenças. A temperatura e a umidade são variáveis chamadas acopladas, isto é, a variação de uma provoca a alteração da outra.

Como Funciona uma Estufa.

O Efeito Estufa - manifesta-se quando a cobertura da estufa permite uma entrada de radiação solar e, logo em seguida, dificulta a saída da radiação térmica emitida pelos corpos aquecidos pelo sol. Este efeito provoca o aquecimento do ambiente interno da estufa, a partir da perda de calor destes corpos aquecidos pelo sol por um outro modo de transferência de calor conhecido por convecção.

O ar do interior da estufa não é aquecido diretamente pela radiação solar, mas osmente após a absroção da radiação por superfícies de corpos que, ao aumentarem a sua temperatura, cedem calor para a atmosfera ambiente. A convecção é responsável pela distribuição do calor no ar do ambiente, o que provoca locais mais quentes e mais frios, como, por exemplo, a elevação de temperatura próxima aos pontos mais altos da estufa, enquando que o piso fica mais frio. O fenômeno também acontece junto ao material de cobertura da estufa, que separa o ambiente interno do externo.
Exibir o perfil do usuário Enviar mensagem privada Enviar e-mail
MensagemEnviada: Sáb Set 14, 2013 10:19 pm Responder com citação
ALEXAN DRE
1º PASSO
1º PASSO
Registrado: 06/12/12
Mensagens: 56
Localização: VARGINHA-MG




Boa noite Bruno !

Não tenho muita experiência ainda com as Orquideas.
Más pesquisando no Google encontrei.
Copiei e colei aqui.

Saiba como proporcionar mais umidade para a sua orquídea.
Quer deixar o ambiente mais úmido?
Suas orquídeas estão desidratadas?
Vai viajar? Está preocupado com a rega das suas orquídeas?

Mesmo que você fique fora por algum tempo, há um meio de garantir água para suas orquídeas.
Uma maneira de ajudar a manter a umidade que elas gostam e precisam, sem encharcá-las, é colocá-las em cima de um prato fundo, um pote ou até mesmo uma bacia, com colocar pedra brita e água.

PASSO A PASSO:
- Escolha o pote ideal. Lembre-se que, quanto mais alto o pote, mais água caberá e menor será o tempo para repor a água.
- Coloque pedra brita até a borda do pote.
- Adicione água, mas fique atento para que a água fique alguns dedos abaixo da borda do pote. Evitando assim, que as raízes fiquem encharcadas e apodreçam.
- Reponha a água quando a do pote já estiver com pouca.
Essa estratégia garante a umidade para as orquídeas, pois a medida que a água vai evaporando, é absorvida pelas raízes dela.

IMPORTANTE:
- A água não deve ficar visível na superfície, para evitar o encharcamento da raiz e servir de água para o mosquito transmissor da dengue.
Exibir o perfil do usuário Enviar mensagem privada Enviar e-mail
MensagemEnviada: Dom Set 15, 2013 3:19 pm Responder com citação
Ana Paula Cunha
4º PASSO
4º PASSO
Registrado: 27/12/11
Mensagens: 687
Localização: Rio de Janeiro-RJ




rafael falcao escreveu:
Bruno minha dica é usar esfagno misturado com brita ou argila expandida. Esfagno retem agua: elas irao beber agua desde a tardinha até a manha seguinte, entao elas desidratarão menos.


Bom, moro no Rio de Janeiro, onde o verão chega a 50ºC (sem exagero, foi essa a temperatura ano passado), e o q posso te dizer em relação aos vasos q vc está usando é pra esquecer vaso de barro em regiões muito quentes, principalmente se for com o clima muito seco... já perdi várias orquídeas aqui por ñ saber o vaso certo para colocar elas... eu uso sempre um pouco de esfagno por cima do substrato pois retém melhor a umidade, principalmente se vc cultivar como eu faço... a maioria das minhas orquídeas estão somente na pedra brita, ou argila expandida, q ñ retém lá grandes coisas de água...
em relação às regas, sempre molho minhas orquídeas no final d atarde, por volta das 17h, quando o sol já está indo embora... frequência das regas, só dando uma checada no substrato mesmo, já q tem orquídeas q pedem mais umidade no substrato e outras q gostam q ele seque por completo para molhar novamente...
qual substrato q vc usa?
Exibir o perfil do usuário Enviar mensagem privada Enviar e-mail
MensagemEnviada: Seg Set 16, 2013 6:36 pm Responder com citação
Maribe
PARTICIPANTE
PARTICIPANTE
Registrado: 09/07/11
Mensagens: 3349
Localização: Niteroi-RJ




Bruno, você pode molhar bem a tardinha e borrifar de manhã. Molhar o chão do orquidário sempre que achar necessário e/ou espalhar recipientes com água debaixo das bancadas. Bacias ou jardineiras com brita e água funcionam bem e não dá mosquito.
Exibir o perfil do usuário Enviar mensagem privada Enviar e-mail
Como cultivar
MensagemEnviada: Dom Nov 24, 2013 3:29 pm Responder com citação
Mau
1º PASSO
1º PASSO
Registrado: 22/01/09
Mensagens: 115
Localização: Governador Valadares-MG




Olá Bruno, talvez seja um pouco tarde para responder, mas vai minha dica. Moro em Governador Valadares e aqui é super quente quase o ano todo. Minha experiência é, em locais quentes as plantas ficam melhor em chepôts de madeira pq cerâmica esquentam muito assim como os vazos de plásticos. As plantas não morrem mas sofrem eternamente. Madeira é sempre melhor para elas pois como são epífitas e na natureza elas preferem madeira, como substrato tbem cubinhos de madeira e um pouco de esgano dentre eles, não muito pois podem encharcar e orquidea não gosta de encharcamento. Depois molhar de três a quatro vezes por semana, bem as minha são molhadas tres vezes e sempre depois que o sol se põe. Passe observar suas plantas e se elas começarem a desidratar aumente um pouco mais o esfagno e dê a elas um pouco de adubo. Observação é tudo, pois ninguém melhor do que vc para saber o que suas plantas nescessitam, por isso observe e com o tempo vai ver que é simples, é como se elas falassem para vc o que nescessita so de vc olhar. espero ter ajudado fui....

_________________
...Sublata causa tollitur effectus...
Exibir o perfil do usuário Enviar mensagem privada Enviar e-mail MSN Messenger
MensagemEnviada: Seg Nov 25, 2013 2:36 pm Responder com citação
KARE
3º PASSO
3º PASSO
Registrado: 16/09/11
Mensagens: 464
Localização: SALVADOR-BA




Oi Bruno, aqui em Salvador além do calor eu tenho muito vento o que ajuda secar mais ainda o vaso e quando molho muito ai vem uma chega a chuva sem avisar e um deus nos acuda entao perdi muita planta por excesso de rega quando tentava salvar da desidratação, que ironia nao e? Meu cultivo hoje e apnas em argila,brita e o carvao por cima. A solução que achei foram as seguintes: semi hidroponia vaso dentro de bandeja com brita ou argila expandida e agua o vaso de barro fica sempre fresquinho. Nas que ficam no vaso penduradas e nas de toco eu espremo um tantinho de esfagno e coloco por cima dai se o tempo mudar e chover eu tiro ele facinho e pronto.[/img]

_________________
"Paciência é o intervalo entre a semente e a flor"
Exibir o perfil do usuário Enviar mensagem privada
MensagemEnviada: Sáb Dez 07, 2013 12:25 pm Responder com citação
Claudio Clementino
2º PASSO
2º PASSO
Registrado: 28/09/12
Mensagens: 263
Localização: Salgueiro-PE




Eu sempre corto um saco plastico transparente e coloco em todas as laterais do cachepo, e embaixo tbm, depois eu faço uns furos do lado pra nao acumular muita agua. Só que tem que ter cuidado com o excesso de regas, as minhas eu rego de 2 em 2 dias e estao indo muito bem.
Exibir o perfil do usuário Enviar mensagem privada Enviar e-mail
Quem cultiva em regiao muito quente ??????
A Orquídea - Mário A G Leal - Índice » SOU PRINCIPIANTE
Você não pode enviar mensagens novas neste fórum
Você não pode responder mensagens neste fórum
Você não pode editar suas mensagens neste fórum
Você não pode excluir suas mensagens neste fórum
Você não pode votar em enquetes neste fórum
Todos os horários são GMT - 3 Horas  
Página 1 de 1  


  
  
 Novo tópico  Responder tópico  


Powered by phpBB © 2001-2004 phpBB Group
Designed for Trushkin.net | Themes Database
Traduzido por phpBB Brasil